Newsletter
Share

Redes Sociais

2018-audi-a8_7

Novos A8 e Leaf antecipam futuro dos autônomos

Sedã de luxo da Audi e hatch elétrico da Nissan poderão estacionar sozinhos e rodar sem intervenção de motorista

WM1 / 13/07/2017 às 14:45

Cada vez mais, os automóveis vão ganhando recursos de condução autônoma, capazes de rodar sem a intervenção de um motorista em determinadas situações. A recém apresentada nova geração do Audi A8 é um bom exemplo disso: o sedã executivo mais luxuoso e tecnológico da marca alemã é capaz de estacionar na garagem por conta própria, inclusive com o motorista posicionado fora do veículo, que aciona o recurso por meio de um aplicativo no celular.

Dotado de câmeras e sensores, o novo A8 também pode rodar sozinho em trechos rodoviários de estradas com pistas separadas para cada mão, acelerando, freando e esterçando o volante, desde que a rodovia esteja bem sinalizada. Para completar, o sedã da Audi também tem controle de velocidade de cruzeiro adaptativo que funciona inclusive em congestionamentos – com isso, o carro para juntamente com o fluxo de veículos e retoma a aceleração automaticamente, assim que o carro logo à frente começa a se movimentar. Confira abaixo o vídeo oficial de apresentação do novo A8.

Algumas montadoras projetam a chegada de automóveis 100% autônomos para por volta de 2025 e até lá não serão apenas modelos de alto luxo a contarem com tecnologias do tipo, exigindo ainda que o condutor assuma o volante em determinadas condições. A segunda geração do Nissan Leaf, cuja apresentação está marcada para 6 de setembro, em Tóquio, no Japão, também terá alguns tipos de automação.

Depois de mostrar parte da dianteira com acabamento azulado e textura em forma de diamante, o volante multifuncional com funções semiautônomas integradas e o painel 100% digital, a Nissan divulgou um vídeo demonstrando que o hatch elétrico também será capaz de estacionar totalmente por conta própria, sem a necessidade de um motorista de carne e osso ao volante.

A tecnologia, chamada de ProPilot Park, utiliza sonar e câmeras para identificar a vaga, que pode ser transversal, em ângulo ou paralela à via. Ao apertar um botão, o Leaf faz o resto, freando, acelerando e esterçando o volante até parar dentro da vaga, seja de frente ou de traseira. O Leaf será o primeiro modelo da Nissan em todo o planeta a sair de fábrica com esse recurso.

No entanto, essa e outras tecnologias não estarão disponíveis para o hatch elétrico em todos os mercados, ao menos em 2018, quando o novo Leaf será lançado. De acordo com a publicação "Motor Trend”, citando um porta-voz da Nissan, no ano que vem o modelo virá sem o ProPilot Park no mercado norte-americano. Veja o vídeo de demonstração do equipamento.

Além do estacionamento automático, o hatch vai trazer recursos como assistente de permanência na faixa, que lê as marcações em rodovias para manter o carro na trajetória. O Leaf também deverá mais que dobrar a autonomia com uma carga completa das baterias, que hoje é de aproximadamente 170 km. 

Com combustível de alta octanagem correndo pelas veias, a equipe de jornalistas do WM1 está sempre acelerando em busca das informações mais relevantes para quem está à procura do melhor negócio ou é apenas mais um aficionado por carros!

Matérias relacionadas