EF7 Fittipaldi

Emerson Fittipaldi e o 'seu' EF7

Superesportivo desenhado pela Pininfarina e idealizado pelo brasileiro bicampeão da Fórmula 1 tem 600 cv de potência

WM1 / 11/03/2017 às 09:00atualizado 12/03/2017 às 07:58

O Brasil está muito bem representado no Salão de Genebra (Suíça), que acontece até o dia 19 de março. Entre os inúmeros superesportivos do quilate de Lamborghini, Ferrari, McLaren, Bugatti, Porsche, entre outros, um amarelo chamou muito a atenção da imprensa especializada. Estamos falando do EF7 Fittipaldi, projetado pelo renomado Centre de Design Pininfarina com a participação de ninguém menos que o ex-piloto Emerson Fittipaldi, bicampeão mundial de Fórmula 1.

Em entrevista exclusiva ao WM1, Fittipaldi falou sobre o modelo de linhas arrojadas, que pesa apenas 1.000 kg – pouco para um automóvel de altíssima performance – e com aproximadamente 600 cv de potência máxima. “É um sonho que eu tenho desde quando sai do Brasil”, disse Emmo. “Ontem eu estava muito emocionado em fazer a apresentação mundial aqui no Salão de Genebra, no estande da Pininfarina, que está há 87 anos está aqui no Salão, desde a primeira edição. E ter o meu carro aqui no meio de tantas máquinas fantásticas é uma honra”, completou.

De acordo com Fittipaldi, o EF7 é um superesportivo ideal para os motoristas que gostam de encarar uma pista, e virar (muito) rápido! “O conceito do carro é para gentleman driver. Fácil de pilotar. Nos últimos cinco anos, eu andei com Porsche de corrida, Aston Martin de corrida e a que eu mais gostei foi da Ferrari. Então, o EF7 tem a distância entre os eixos igual à da 458 Itália (2,56 metros), é mais baixa que a 458 (1,21 metro) e tem uma cabine bem grande, também”, revelou.

O modelo é todo em fibra de carbono, fundamental para deixar o EF7 leve – a distribuição de peso está próxima de 48% na dianteira e 52% na traseira. O motor é um 4.8 V8 de 600 cv. “Um esportivo superseguro para piloto e passageiro. Eu fiz questão de que um carro que levasse a minha assinatura fosse leve e seguro, primeiramente, e tecnicamente fácil de pilotar”, disse Fittipaldi, revelando que a ‘cara de tubarão’ do ‘bólido’ foi uma dele ao estúdio Pininfarina. “Quando eu tive a primeira reunião com a Pininfarina, eu falei que a forma que eu mais gosto que Deus desenhou é a de um tubarão.”

A Pininfarina, aliás, foi uma das únicas imposições de Fittipaldi, líder do projeto. “Quando eu fui falar com o Hans Werner Aufrecht, fundador da AMG (braço de alta performance da Mercedee-Benz), para ser conselheiro de um carro GT (Gran Turismo), ele me disse que poderia fazer um carro com motor que não fosse Mercedes na HWA Team (empresa de Hans Werner). Eu disse para ele, porém, que tinha muito respeito pelos carros alemães, mas que queria desenhar na Itália. Eu levei o pessoal da HWA na Pininfarina e eles adoraram”, revelou o bicampeão mundial de Fórmula 1.

Uma curiosidade é que o EF7 Fittipaldi é o primeiro carro que o estúdio italiano desenha após encerrar uma longa parceria com ninguém menos que a Ferrari. “Eu cheguei lá (na Pininfarina) e eles tinham acabado de encerrar o contrato com a Ferrari. Então este é o primeiro GT que a Pininfarina faz depois da Ferrari. Eu falo que é o Dream Team. Os alemães junto com a Pininfarina e eu. Ai veio a Sony para colocar o carro no Playstation. Melhor de todos os mundos”, concluiu Emmo.

O nome EF7 é fácil de explicar. As letras EF representam as iniciais de Fittipaldi e 7 é o número dos filhos do ex-piloto, que também tem 7 netos. Serão produzidas apenas 39 unidades, número que remete às vitórias (36) e aos títulos (3) que conquistou na Fórmula 1 e na Fórmula Indy. Os primeiros protótipos do superesportivo serão testados entre agosto e setembro deste ano e as primeiras unidades, que custarão cerca de US$ 1 milhão (aproximadamente R$ 3,3 milhões), deverão ser entregues dentro de um ano.

Colaborou: Rodrigo Ferreira, de Genebra

Com combustível de alta octanagem correndo pelas veias, a equipe de jornalistas do WM1 está sempre acelerando em busca das informações mais relevantes para quem está à procura do melhor negócio ou é apenas mais um aficionado por carros!

Matérias relacionadas