Newsletter
Share

Redes Sociais

Passat GTS Pointer aspirado chega aos 195 cv

Preparação transforma o Volkswagen em um puro esportivo

WM1 / 27/02/2015 às 12:34atualizado 10/07/2016 às 15:00
Arquivo

Existem basicamente dois tipos de preparação: turbo e aspirado. A primeira é muito utilizada atualmente para se obter alto rendimento em motores pequenos e, no atual estágio de desenvolvimento, apresenta pouco atraso (lag) e bons números de economia.

Já a preparação aspirada consiste em algo mais clássico. Como é o caso desse Passat GTS Pointer 1988. Naquela época a versão fazia muita gente sonhar quando passava pela rua. As razões iam desde a faixa lateral que percorria a carroceria até o acabamento único do interior.

Mas esse é diferente. O esportivo recebeu rodas Snowflakes 16 polegadas da conceituada Fifteen52, importadas dos Estados Unidos. Além do desenho original ajudaram a aumentar a estabilidade, essencial para a idéia do projeto.

O interior continua inspirador. Os bancos da Recaro acomodam bem o corpo e estimulam o motorista a pisar fundo, com a vantagem de dar o apoio necessário para uma pilotagem mais ousada. Além disso, especial atenção para o volante que originalmente equipava um Golf MK1.  

No cofre o maior tesouro, sem trocadilhos. O motor AP teve a cilindrada aumentada para 2 litros e também conta com os corpos de borboleta individuais, conhecidos pela sigla ITB, em inglês, que injetam mais gasolina – e adrenalina – no passeio.

Os outros detalhes, e o ronco fantástico do sistema em funcionamento, o leitor confere na matéria. Uma dica: levante bem o som e aproveite cada momento. Alguns carros realmente deixam um gostinho de quero mais. Esse foi um deles.