Nova Mitsubishi L200 aparece em Genebra

Modelo pode chegar no Brasil até o começo de 2016

WM1 / Março 2015
Arquivo

Revelada na Tailândia no fim de 2014, a Mitsubishi L200 é apresentada para o público europeu no Salão de Genebra. A marca não confirma a vinda do modelo para o Brasil, mas isso deverá acontecer até o primeiro semestre de 2016. Na Europa, as vendas começam no meio deste ano.

A quinta geração da picape recebeu uma reformulação no visual e também na parte mecânica. A principal novidade em termos de motorização foi a utilização do motor 2.4L MIVEC turbodiesel capaz de gerar 181 cv de potência máxima e um torque de até 43,8 kgf.m. O propulsor substitui o atual 3.2L de 180 cv e 38 kgf.m. Na Tailândia, existe ainda a opção de um motor 2.5L turbodiesel que pode entregar até 178 cv e um a gasolina, também 2.4L, que rende 128 cv e apenas 19,8 kgf.m de torque. Serão oferecidas duas transmissões, uma manual de seis marchas e uma automática de cinco, com opção de trocas feitas por aletas atrás do volante.

Ainda na parte mecânica, a marca afirma ter aperfeiçoado o isolamento acústico e a suspensão. Além disso, passou a utilizar a tecnologia Super Select 4WD-II já usada na linha Pajero. A tração pode ser integral, somente nas rodas dianteiras ou totalmente no eixo traseiro. A antiquada alavanca extra para a troca da tração foi eliminada. O acionamento é eletrônico, feito por uma tecla no console central.

Foram quase 10 anos sem alterações significativas, agora a nova L200 segue a tendência das suas concorrentes em tornar o fora-de-estrada mais parecido com um sedã médio e menos com um brucutu quebra ossos. Por isso, o visual traz belas linhas, muitos cromados e até a opção de faróis de xênon.

Entre os equipamentos há agora central multimídia com tela de sete polegadas, ar-condicionado digital, piloto automático, direção com regulagem de altura e comprimento e forração em couro.

O modelo não teve grandes alterações nas suas dimensões.  No comprimento, por exemplo, a L200 ficou 10 centímetros menor, já na largura foram apenas 65 milímetros a mais. O entre-eixos permaneceu com os mesmos três metros.

A Mitsubishi passou muito tempo sem aperfeiçoar a L200 e agora tem que correr para alcançar a concorrência que se reformulou nos últimos anos. Por isso, a expectativa da montadora é passar a comercializar a quinta geração em 150 países. E o Brasil está nesta conta. 

Editor, amante dos carros desde criança e colecionador de revistas automotivas. Seu passatempo preferido é viajar de carro ouvindo um bom rock. No mundo automotivo, tem uma queda pelas peruas e pelos esportivos. Quando não está fuçando sobre carros tenta a sorte nas quadras de tênis

Matérias relacionadas