Fiat Argo Abarth projecao x-tomi design

Fiat Argo ganha versão Abarth no mundo virtual

Hatch nem foi lançado no Brasil e já inspirou projeção de versão turbo de alta performance de site húngaro de design

WM1 / 19/05/2017 às 17:15

A Fiat mostrou pela primeira vez, na quarta passada (17), imagens por inteiro do Argo, hatch que vai substituir o Punto e que a montadora vai apresentar para a imprensa especializada no fim deste mês, com início das  vendas no Brasil em seguida. Projeto nacional, o Argo chamou a atenção de publicações automotivas ao redor do mundo por conta das suas linhas bem esportivas e a frente invocada, com luzes diurnas de LEDs avançando pelas laterais.

O design do Argo agradou tanto que o site húngaro X-Tomi Design, especializado em fazer “tunagens” virtuais de tudo quanto é tipo de veículo, publicou na sua página no Facebook a sua ideia de como ficaria uma eventual versão Abarth do hatch, com ainda mais esportividade – a Abarth é a submarca da Fiat responsável por desenvolver variações de maior desempenho dos modelos da marca. Aqui, o único carro da montadora a trazer o emblema do escorpião da Abarth é o 500, equipado com motor 1.4 Mutiair turbo de 167 cv de potência e 23 kgfm de torque importado da Itália e gerenciado pela transmissão manual de cinco marchas. Ele também conta com freios mais fortes e suspensão mais rígida, mas não está mais disponível no site oficial da Fiat.

O Argo Abarth é uma ideia tentadora para quem gosta dos “hot hatches”, compactos com pegada esportiva na mesma linhagem de modelos como DS3 e Golf GTI, para citar apenas dois exemplos, mas por ora está apenas na imaginação. Até hoje, nenhum Fiat brasileiro teve versão Abarth.

Mas isso não impede que futuramente o novo hatch da marca italiana traga um motor turbo sob o capô: especula-se que a Fiat esteja desenvolvendo uma versão turbinada e com injeção direta e cabeçote multiválvulas do Firefly 1.3, que foi lançado inicialmente para a linha Uno e que também vai estar disponível para o Argo – esse propulsor, aspirado e flex, hoje rende 109 cv e 14,7 kgfm. Vale lembrar que em um passado não muito distante o Punto e o Bravo já tiveram versões turbinadas, chamadas de T-Jet, que traziam uma variação do 1.4 turbo do 500 Abarth, porém com 152 cv e 23 kgfm.

Nas fotos divulgadas pela Fiat, o Argo aparece de frente e traseira na versão topo de linha HGT, que contará com transmissão automática de seis marchas - como revela emblema na tampa do porta-malas - , transmissão essa que é utilizada na Fiat Toro Freedom com motor 1.8 16V EVO Flex de até 139 cv de potência.

Com combustível de alta octanagem correndo pelas veias, a equipe de jornalistas do WM1 está sempre acelerando em busca das informações mais relevantes para quem está à procura do melhor negócio ou é apenas mais um aficionado por carros!

Matérias relacionadas