Um Fiat 124 Spider recém restaurado anunciado

Modelo de 1971 está em estado de 0 km e quer te divertir

WM1 / Março 2015
Arquivo

Roadster fazem a alegria da grande maioria dos entusiastas de carro. Os melhores exemplos são o Mazda Miata, os clássicos Alfa Romeo Giulietta e até o Fiat 124, como este anunciado no WebMotors. Depois da parceria entre Mazda e FCA, que dividiram as responsabilidades no desenvolvimento do novo MX-5, a Fiat anunciou oficialmente que o seu MX-5 será chamado 124 Spider, resgatando o nome do ícone da década de 1960. Enquanto o novo modelo não é lançado, conheça um pouco mais desse conversível e se apaixone pelo modelo anunciado no nosso site no #AchadosWebMotors desta semana.

Desenhado pelo estúdio Pininfarina, o 124 Spider foi lançado em 1966 dividindo vários elementos de construção com o sedã 124. A versão cupê tinha exatamente a mesma plataforma, já a conversível era tinha base um pouco mais curta. Os motores foram sempre de quatro cilindros, variando de 1.4 até 1.9 litro. O nosso modelo é equipado com um 1.6, que apareceu entre 1971 e 1973. Esse motor foi desenvolvido por Aurelio Lampredi, projetista dos motores Ferrari na F1 nas décadas de 40 e 50, e trazia a comando duplo no cabeçote, uma inovação para a época. O Twincam, como é chamado, permite que as válvulas fiquem inclinadas em 65° graus, melhorando o fluxo de ar do motor.

A boa dinâmica do 124 e o motor inovador levaram a Fiat a deixa-lo nas mãos da Abarth, para que eles desenvolvessem um modelo de rali. Com cerca de 900 kg e pouco mais de 100 cv, o 124 – que recebeu uma capota rígida para competir na terra – tornou-se bicampeão europeu e vice campeão mundial, perdendo apenas para outro carro tão mítico quanto ele, o Lancia Stratos.

O nosso 124 tem apenas 200 km rodados segundo o anunciante. O motivo? Foi recém restaurado. De funilaria ao motor. A tapecaria e a capota são novas, enquanto as rodas, continuam as originais. A placa preta, de colecionador, dá o toque final no pacote para quem quer um clássico em ótimo estado. Por R$ 89 mil, pode ser uma ótima escolha enquanto o novo 124 Spider não aparece para o mercado.

Iago Garcia Autor

Para o estagiário, gostar de carro foi hereditário. Adora carros preparados, clássicos e customizados. Apaixonado pelos esportivos japoneses, prefere um Skyline a uma Ferrari. Mas não rejeita nada que faça barulho e ande rápido.

Matérias relacionadas